Tá No Sangue S.F.C.

Hernane faz dois, mas Santos arranca empate do Bahia no fim de amistoso

Em amistoso festivo em comemoração aos 85 anos do Bahia, Santos arranca empate no finalzinho com golaço de Serginho. Brocador fez dois para o Tricolor
Fonte: www.lance.com.br   Por Russel Dias   23/01/2016 

Amistoso - Bahia x Santos

Juninho (à esquerda) e Gabigol disputam a bola durante amistoso na Bahia(Foto: Romildo de Jesus/Futura Press)

O Santos ameaçou estragar a festa de 85 anos do Bahia, na noite deste sábado, na Arena Fonte Nova. Ainda no primeiro tempo, Gabigol abriu o placar para o Alvinegro, mas foi Hernane Brocador quem ganhou aplausos e deixou sua marca duas vezes. Como sempre, a base do Peixe salvou, e Serginho garantiu o 2 a 2 já nos acréscimos da estreia do time paulista em 2016.

Para os baianos, a festa serviu para apresentar reforços e também o novo uniforme e, apesar do recém-chegado Juninho ter feito uma boa apresentação, foi o camisa 9 Hernane, que herdou a vaga de Kieza, quem aproveitou as chances. 

Durante o primeiro tempo, a partida foi do Peixe. Aos 23 da primeira etapa, a "dupla cruel" Gabigol e Joel aproveitou a roubada de bola e o passe de Lucas Lima para abrir o marcador. Em uma falha do goleiro Marcelo Lomba, que se adiantou, Joel serviu Gabigol, que sem goleiro, empurrou a bola para a rede.

Já no segundo tempo, o técnico Dorival Júnior aproveitou as ausências para fazer testes. Sua primeira mexida foi na lateral, e Victor Ferraz deixou o jogo para a entrada de Caju. Sendo assim, Zeca mudou de lado.

Porém, em 12 minutos, Caju foi driblado, em lance que Hernane recebeu na área e empatou. Ele também fez um pênalti, convertido pelo próprio Brocador. No fim, o lateral santista ainda foi expulso.

Ao fim da partida, o Santos terminou apenas com Vanderlei, Gustavo Henrique e Lucas Veríssimo, estreante no time principal, como titulares da equipe. O Peixe testou jogadores como Léo Cittadini, Ronaldo Mendes, Rafael Longuine, Lucas Otávio, Serginho e Marquinhos.

O volante Renato, Ricardo Oliveira e Paulo Ricardo foram desfalques. Os dois primeiros fazem trabalhos específicos, enquanto que o segundo sentiu dores no treino de sexta-feita.

Quando a festa parecia ser do Bahia, depois dos 40 do segundo tempo, a base do Peixe resolveu. O meia Serginho recebeu da direita, girou em cima da marcação e acertou um lindo chute de fora da área, no ângulo, sem chances para Lomba.

FICHA TÉCNICA 
BAHIA 2 x 2 SANTOS 


Data e horário: 23 de janeiro de 2016, sábado, 19h30 
Local: Arena Fonte Nova, Salvador (BA) 
Árbitro: Diego Pombo Lopes (BA)
Assistentes: Dijalma Silva Ferreira e Marcos Welb Rocha de Amorim, ambos da (BA)
Cartões amarelo: Paulo Roberto e Gustavo (BAH); Lucas Lima, Victor Ferraz, Alison e Caju (SAN)
Cartão vermelho: Caju (SAN)
Gols: Gabigol - 24'/1ºT (0-1); Hernane - 3'/1ºT (1-1), Hernane - 10'/1ºT (2-1); Serginho - 45'/1ºT (2-2)
Renda/Público: R$ 250.561,50/ 10.429 pagantes

BAHIA: Marcelo Lomba; Cicinho (Hayner - Intervalo) , Robson (Dedé - 34'/2ºT), Gustavo (Eder - 42'/2ºT) e João Paulo (Júnior - 42'/2ºT); Paulo Roberto (Yuri - 15'/2ºT), Danilo Pires (Gustavo Blanco - 20'/2ºT), Juninho (Rômulo - 30'/2ºT) e Edigar Junio (Zé Roberto - 15'/2ºT); Jeam (Marquinho - 39'/2ºT) e Luisinho (Mario - 34'/2ºT). Técnico: Doriva
SANTOS: Vanderlei; Victor Ferraz (Caju - Intervalo), Gustavo Henrique, Lucas Veríssimo e Zeca (Léo Citadini - 35'/2ºT); Alison (Rafael Longuine - Intervalo), Thiago Maia (Lucas Otávio - 35'/2ºT) e Lucas Lima (Ronaldo Mendes - 32'/2ºT); Paulinho (Vitor Bueno - 19'/2ºT), Gabigol (Marquinho - 35'/2ºT) e Joel (Serginho - 30'/2ºT). Técnico: Dorival Júnior