Tá No Sangue S.F.C.


Jean Mota e Yuri aparecem no BID e podem estrear pelo Peixe no domingo

Fonte: Gazeta Esportiva   Por: Tiago Salazar   09/06/2016


Jean Mota tem 22 anos e pode atuar como meia, ponta ou até mesmo como lateral (Foto: Ivan Storti)Jean Mota tem 22 anos e pode atuar como meia, ponta ou até mesmo como lateral (Foto: Ivan Storti)

O nomes de Jean Mota e de Yuri apareceram no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF no início da noite desta quinta-feira. Com isso, os dois jogadores ficam à disposição de Dorival Jr já para a partida deste domingo, contra o Santa Cruz, no Arruda, às 19 horas, pela 7ª rodada do Campeonato Brasileiro. Depois de assinar contrato de quatro anos na noite de quarta-feira, como antecipou a Gazeta Esportiva, dia em que fez seu primeiro treino no gramado do CT Rei Pelé, o meia armador foi anunciado oficialmente pelo clube como novo reforço na manhã desta quinta.

“A visibilidade no Santos é imensa e o time revela muitos jogadores. Se o Dorival Júnior precisar, jogo em outras posições. Espero dar muita alegria ao torcedor santista” disse Jean, ao site oficial do Peixe. Sua apresentação está marcada para às 12 horas desta sexta-feira.

Eleito melhor jogador do Campeonato Cearense com a camisa do Fortaleza, Jean Mota custou R$ 800 mil aos cofres santistas, a serem pagos em duas parcelas iguais. O clube da Vila Belmiro ficará com 80% dos direitos econômicos do atleta, enquanto o Fortaleza permanece com 20%.

Já a inscrição do volante Yuri, apresentado na quarta, saiu no BID logo em seguida. A expectativa do Santos é que o ex-atleta do Osasco Audax tivesse o registro confirmado apenas na sexta, mas a CBF já liberou o volante para fazer sua estreia pelo alvinegro praiano neste domingo, em Pernambuco.

Yuri foi um pedido de Dorival Júnior à diretoria santista. O atacante Marquinhos foi envolvido em sua negociação e retornou ao Audax para o polivalente jogador de defesa pudesse assinar o empréstimo com o Peixe com validade até dezembro de 2017. Uma cláusula no contrato prevê uma extensão de vínculo por mais três anos, caso o Santos decida comprar o atleta em definitivo.