Tá No Sangue S.F.C.

Sem time definido, Dorival admite que precisa de reforços no Santos

Fonte:  espn.uol.com.br   Gazeta Press   11/04/2016

GAZETA PRESS

Dorival Júnior, treinador do Santos

Dorival Junior, treinador do Santos

O Santos cumpriu seu papel e venceu o Audax na Vila Belmiro no domingo, mas novamente encontrou dificuldades até chegar à virada aos 42 minutos do segundo tempo. Mesmo com a superação frente a muitos desfalques, Dorival Júnior percebe a fragilidade do elenco para jogos importantes e na ocasião da ausência de alguns titulares. Por isso, o treinador admite que segue de olho no mercado em busca de reforços.

"Estamos atentos. Estamos procurando. O elenco não está fechado. Estamos ligados. Nada é definitivo. Alguma coisa deve mudar, mas tudo isso vai acontecer com calma", explica o técnico, preocupado que o assunto não caia bem dentro do elenco de jogadores.

Nos bastidores, o Santos continua tentando contratar Marquinhos Gabriel, Michel Bastos e Alan Kardec. O zagueiro argentino do Banfield, Fabian Noguera, está fechado e deve se apresentar em maio. Outros atletas de times pequenos do Brasil também têm sido sondados, além de jogadores que já estão dentro do elenco alvinegro, como o argentino Maxi Rolón, que pode ser inscrito a partir de agora no Campeonato Paulista.

Dorival Júnior evita falar sobre o futuro, mas não nega que está trabalhando junto a diretoria para trazer novas opções. Algumas dispensas ou empréstimos de jogadores pouco utilizados também devem acontecer, mas só após o Estadual.

Por enquanto, a preocupação é para a partida contra o São Bento, na Vila Belmiro, pelas quartas de final do Paulista. Gustavo Henrique, Elano, Thiago Maia e Gabriel voltam de suspensão, mas Renato e Paulinho ainda são dúvidas. O volante se recupera de uma fratura no nariz, enquanto o atacante trata um edema na coxa.

"Ainda não dá para saber. Não tenho certeza em relação ao Renato e o Paulinho. O Renato deve voltar a trabalhar nessa segunda-feira. Paulinho pode ser que aconteça. Segunda ou talvez terça. Quero botar uma equipe muito forte em campo, porque teremos um adversário muito complicado. A torcida do Santos que se atente. É um adversário difícil. Não perdeu nenhum jogo para os times considerados grandes. Joga no mesmo nível de todos. Tem um time interessante", avisa Dorival.

Com toda a semana livre para treinamentos, o técnico também vai usar o período para definir sua dupla de zaga titular, e que será escalada para o confronto único com a equipe de Sorocaba. David Braz retornou de lesão e reassumiu seu posto. Gustavo Henrique seria o outro titular, mas tem falhado seguidamente, o que acaba aumentando a possibilidade de Lucas Veríssimo ficar com a vaga, apesar de ainda ser zebra. Luiz Felipe fez seu primeiro jogo como titular contra o Audax e ainda busca espaço.

"Vai ser definida essa semana. Fico feliz do Braz ter voltado bem, do Lucas vir em crescimento, o Gustavo da mesma forma. A entrada agora do Luiz. Acho que a primeira partida como titular de um jogador. Temos de ter paciência. Foi muito bem. É tudo que nós queremos. Queremos um elenco forte e precisamos dar uma sequência para que todos os jogadores se sintam importantes. O Ronaldo, que nem foi relacionado no jogo anterior, decidiu. É isso que nós queremos", exemplifica o treinador do Santos.

O grupo ganhou folga nesta segunda-feira e voltará aos trabalhos no CT Rei Pelé apenas na tarde de terça-feira.