Tá No Sangue S.F.C.

Elano descarta aposentadoria e avisa: 'Não estou aqui para passear'

Fonte:  espn.uol.com.br   Gazeta Press   06/04/2016
IVAN STORTI/SANTOS FC

Elano não tem sido muito aproveitado pelo técnico Dorival Júnior

Elano não tem sido muito aproveitado pelo técnico Dorival Júnior

Multicampeão com o Santos, Elano, para muitos, vive seus últimos momentos como jogador de futebol. Mas, quem pensa assim está muito enganado. Apesar de ser pouco utilizado por Dorival Júnior e se aproximar de seu 35º aniversário (em junho), o jogador garante que se sente preparado para continuar ajudando em campo.

"Eu me sinto apto para jogar a qualquer momento. Eu me preparo para jogar, mas tenho de entender o momento. Os meninos que estão jogando conquistaram seu espaço, o time está jogando bem, está ganhando, então, tenho de respeitar, sendo mais velho ou mais novo", explicou. "Mas, quero deixar claro que estou apto a jogar. Não estou aqui para passear ou encerrar minha carreira", avisou.

Depois de passar três meses na Índia, onde conquistou o campeonato local, Elano voltou ao Peixe e renovou seu contrato até o fim do ano. A prorrogação do vínculo foi questionada por alguns torcedores, mas Elano admitiu nesta quarta que não deveria ter falado em aposentadoria como o fez em 2015.

"Não pretendo parar em dezembro, por tudo que tenho visto. Vivi um momento difícil, até acabei falando coisas que não deveria ter falado. Mas, ano passado e este ano pude ver que tenho condições físicas plenas para continuar jogando", comentou o meia, com 310 jogos e 68 gols pelo alvinegro no currículo

"Estou no Santos com 34 anos e não é porque todo mundo gosta de mim, ou porque tenho uma história. É porque tenho condição. Não renovei meu contrato porque sou amigos de todos. Renovei porque o Dorival olha para mim e sabe que tenho condição de ajudá-lo".

Nesta temporada, apesar de ter feito toda a pré-temporada com o grupo e ser um dos mais dedicados nos treinamentos diários no CT Rei Pelé, Elano foi utilizado pelas em três oportunidades e nunca desde o início. Por isso, o jogador, apesar de deixar claro que não gostaria de sair do Peixe, não descarta seguir sua carreira em outro clube, caso se sinta útil.

"Com todo respeito, pelo que tenho visto dentro do futebol, tenho condições de fazer muita coisa ainda. Não desrespeitando, sem fazer comparações, mas tenho condições física e técnica", reafirmou.

Neste domingo, com diversos desfalques da equipe para a partida contra o Audax, Elano poderia receber mais uma chance. Mas, o cartão amarelo contra o Capivariano o suspendeu desta última rodada da primeira fase do Campeonato Paulista.