Tá No Sangue S.F.C.

Peixe analisa contratações de William Pottker e Júnior Dutra

O primeiro é destaque do Linense no Campeonato Paulista; o outro atua no Al-Arabi, do Catar
Fonte: www.atribuna.com.br   Por MICHAEL SANTOS   24/03/2016

William Potker, do Linense, tem sete gols no Estadual

Embora o Campeonato Paulista ainda esteja na fase de grupos, o Santos já traça o planejamento para o Campeonato Brasileiro. Um dos objetivos da diretoria é reforçar o ataque. No momento, dois nomes oferecidos são observados e estudados. São eles William Pottker, do Linense, e Júnior Dutra, do Al-Arabi, do Catar.

Existe um problema comum com ambos os jogadores: a concorrência. Há interessados nos dois avantes. No caso do atleta ligado ao clube do Interior do Estado, terceiro goleador do Paulistão, com sete gols, o Corinthians surge como forte candidato a contratá-lo. No final de semana, o técnico Tite o elogiou publicamente. 

“É um jogador muito agudo, incisivo. O um contra um dele é muito bom”, falou o treinador.

Apesar de saber que o time do Parque São Jorge quer contar com o atleta, o Peixe analisa toda a situação. Até porque haverá a necessidade de peças de reposição para o setor.

Os vínculos de Neto Berola e Patito Rodríguez se encaminham para o fim – o do primeiro finda em maio, e o do argentino, em julho. A princípio, os dois deixam a Vila Belmiro. 

Além disso, o investimento em Pottker, de 22 anos, seria baixo. Isso porque o contrato do avante com a equipe de Lins termina em 8 de maio.

Ex-Menino da Vila

A situação de Dutra é mais complicada. O atacante, com passagem pelas categorias de base do Santos, está encostado no Al-Arabi e só disputou uma partida no ano, segundo o site europeu Transfermarkt – entrou no segundo tempo da derrota por 2 a 1 para o Al Khor, em 2 de janeiro.


Por conta disso, o avante, de 27 anos, quer retornar ao País. No entanto, como possui, ainda de acordo com o portal de transferências citado, contrato até o meio de 2019, precisa conseguir a liberação com seu time, a fim de ser negociado. 

Oferecido ao Peixe, passou a ser analisado por Dagoberto Fernando dos Santos, o superintendente de esportes do clube. Se o cartola decidir trazê-lo, tem de superar o Botafogo.

A agremiação de General Severiano também estaria atrás do avante. Os cariocas teriam iniciado o diálogo com o estafe do avante há cerca de um mês.

Júnior Dutra fez quase toda sua carreira profissional fora do Brasil. O avante tem passagens por Kyoto Sanga e Kashima Antlers, ambos do Japão, e KSC Lokeren, da Bélgica.

Júnior Dutra passou pelas categorias de base do Peixe